Acusado de arrombar “CRAS” em JF é preso por G. Municipal e Polícia Civil

Matéria publicada em: 12/12/2013 às 15:20

Polcia civil e Guarda-capaUma operação em conjunta entre Guarda Municipal e Polícia Civil realizada na manhã desta quinta-feira (12), no Bairro Ipiranga em José de Freitas, culminou na prisão do ex-presidiário Leandro Alves de Araújo, 23 anos, acusado de arrombar e furtar vários pertences do Centro de Referencia de Assistência Social (CRAS), localizado no Bairro Cidade de Nova, nesta cidade.

O arrombamento foi praticado na noite da ultima quarta-feira (11), quando os funcionários chegaram para trabalhar na manhã seguinte, encontraram a grade e a porta dos fundos arrombadas, e todo interior do prédio revirado, com a ausência de alguns equipamentos de trabalho, relatou a gerente do local, professora Marlene Rodrigues.

crass-2

De ante do ocorrido, uma equipe da Guarda Municipal, comandada pela inspetora Irismar, juntamente com policiais civis, tento a frente o Coordenador Gilson Ferreira, encontraram parte dos produtos furtado no loteamento Ipiranga, próximo a casa do acusado, durante as buscas os policiais e GM, localizaram o ex-presidiário Leandro Alves, vulgo “Leandro Malaquias” com ele foi encontrado o restante dos produtos furtados.

guarda municipal-3

Foram recuperados um CPU, aparelho de som, DVD e outros pequenos objetos furtados do órgão público municipal. Após a prisão, o acusado foi conduzido para delegacia de polícia, onde foi autuado em flagrantes pela pratica delituosa. Leandro já cumpriu pena por envolvimento com trafico de drogas, agora volta novamente para prisão, disse um policial.

cras-1

cras-2

cras-3

crass-4

cras-5

crass-6

cras-5 (2)

operação- guarda e civil-4

operaçao Gurada e civil-2

operação- guarda e civila-3

gm cunha -leandro-10

gilosn -cunha-acusad.

leandro- viatura-arrombamento-2

gn cunha-7

gm sergio-8

policial-oliveira-9

guarda muncipal-2

gilosn- joaõ batista-1

Por Chagas Silva-Repórter-Policial-JF Agora

Comentar no Facebook

9 comentários adicionados em “Acusado de arrombar “CRAS” em JF é preso por G. Municipal e Polícia Civil”

  1. Silva Disse:

    Mais um bom trabalho feito pela Guarda Municipal com a Polícia Civil. A sociedade é que ganha com esta integração entre os órgãos oficiais de segurança pública em José de Freitas.

  2. LUIS Disse:

    Parabéns aos guerreiros da GM. Mais uma vez mostrando capacidade e tirocínio.

  3. Constituição Federal Disse:

    Boa Noite, Com Todo Respeito, Admiro A coragem dos Guardas Municipais deste Município, mas esta havendo uma troca de responsabilidades por parte de algumas autoridades, mesmo que essa seja a unica solução para tentar diminuir a criminalidade no município, mas guarda municipal não é um órgão de Segurança Publica (Nem Ostensiva,nem Investigativa e muito menos Judiciaria), a Constituição diz, Art.144:
    § 8º – Os Municípios poderão constituir guardas municipais destinadas à proteção de seus bens, serviços e instalações, conforme dispuser a lei.

    Art. 144 – A segurança pública, dever do Estado, direito e responsabilidade de todos, é exercida para a preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio, através dos seguintes órgãos:
    I – polícia federal;
    II – polícia rodoviária federal;
    obs.dji.grau.3: Competência da Polícia Rodoviária Federal – D-001.655-1995
    III – polícia ferroviária federal;
    IV – polícias civis;
    obs.dji.grau.3: Conselho Nacional de Segurança Pública – CONASP – D-002.169-1997
    V – polícias militares e corpos de bombeiros militares.

    Ou Seja nada de Guarda Municipal…

  4. Constituição Federal Disse:

    http://www.d24am.com/noticias/politica/procurador-alerta-para-questao-legal-na-troca-de-funcao-da-guarda-municipal/68779

  5. Constituição Federal Disse:

    Não sei se no municipio de Jose de Freitas, A Guarda Municipal Trabalha armada, mas caso trabalhe, podem haver alguns problemas caso, Deus o Livre, algum deles precise usar.
    O Estatuto do desarmamento:Lei nº 10.826/ 2003, diz

    DO PORTE

    Art. 6o É proibido o porte de arma de fogo em todo o território nacional, salvo para os casos previstos em legislação própria e para:
    III – os integrantes das guardas municipais das capitais dos Estados e dos Municípios com mais de 500.000 (quinhentos mil) habitantes, nas condições estabelecidas no regulamento desta Lei;
    IV – os integrantes das guardas municipais dos Municípios com mais de 50.000 (cinqüenta mil) e menos de 500.000 (quinhentos mil) habitantes, quando em serviço;
    § 7o Aos integrantes das guardas municipais dos Municípios que integram regiões metropolitanas será autorizado porte de arma de fogo, quando em serviço.

    E José de Freitas, infelizmente Não se encaixa em nenhuma delas.

  6. tamyres da silva santos Disse:

    RESUMINDO: esses guardas municipais de jose de freitas;TEM QUE PROCURAR O LUGAR DELES, ANTES DE ALGUNS DELES SE ENROLAREM…

  7. farley Disse:

    esse silva só pode ser um militar daqueles bem vaidosos e ciumentos queria ver se tivesse arrombado a casa dele o de alguem da familia dele se ele taria falando isso.

  8. LUIS Disse:

    Acho que esse constituição federal não sabe nada sobre o Piauí. Nunca ouviu falar na
    Brastra.gif (4376 bytes)
    Presidência da República
    Casa Civil
    Subchefia para Assuntos Jurídicos

    LEI COMPLEMENTAR Nº 112, DE 19 DE SETEMBRO DE 2001

    Mensagem de veto
    Regulamento

    Autoriza o Poder Executivo a criar a Região Integrada de Desenvolvimento da Grande Teresina e instituir o Programa Especial de Desenvolvimento da Grande Teresina e dá outras providências.

    O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei Complementar:

    Art. 1o É o Poder Executivo autorizado a criar a Região Integrada de Desenvolvimento da Grande Teresina, com o objetivo de articular e harmonizar as ações administrativas da União e dos Estados do Piauí e do Maranhão, conforme o previsto no inciso IX do art. 21, no art. 43, e no inciso IV do art. 48 da Constituição Federal.

    § 1o A Região de que trata este artigo é constituída pelos Municípios de Altos, Beneditinos, Coivaras, Curralinho, Demerval Lobão, José de Freitas, Lagoa Alegre, Lagoa do Piauí, Miguel Leão, Monsenhor Gil, Teresina e União, no Estado do Piauí, e pelo Município de Timon, no Estado do Maranhão.

    § 2o Os Municípios que vierem a ser constituídos a partir de desmembramento de território de Municípios citados no parágrafo anterior passarão a compor, automaticamente, a Região Integrada de Desenvolvimento da Grande Teresina.

    Art. 2o Será criado um Conselho Administrativo que coordenará as atividades da Região Integrada de Desenvolvimento da Grande Teresina.

    Parágrafo único. As atribuições e a composição do Conselho Administrativo de que trata este artigo serão definidas em regulamento, dele participando representantes dos Estados do Piauí, do Maranhão e dos Municípios abrangidos pela Região Integrada de Desenvolvimento da Grande Teresina.

    Art. 3o Consideram-se de interesse da Região Integrada de Desenvolvimento da Grande Teresina os serviços públicos comuns aos Estados do Piauí, do Maranhão e aos Municípios que a integram, especialmente aqueles relacionados às áreas de infra-estrutura, prestação de serviços e de geração de empregos.

    Art. 4o É o Poder Executivo autorizado a instituir o Programa Especial de Desenvolvimento da Grande Teresina.

    Parágrafo único. (VETADO)

    Art. 5o Os programas e projetos prioritários para a Região, com especial ênfase para os relativos à infra-estrutura básica e geração de empregos, serão financiados com recursos:

    I – de natureza orçamentária, que lhes forem destinados pela União, na forma da lei;

    II – de natureza orçamentária que lhes forem destinados pelos Estados do Piauí, do Maranhão e pelos Municípios abrangidos pela Região Integrada de que trata esta Lei Complementar;

    III – de operações de crédito externas e internas.

    Art. 6o A União poderá firmar convênios com os Estados do Piauí, do Maranhão e com os Municípios referidos no § 1o do art. 1o, com a finalidade de atender ao disposto nesta Lei Complementar.

    Art. 7o Esta Lei Complementar entra em vigor na data de sua publicação.

    Brasília, 19 de setembro de 2001; 180o da Independência e 113o da República.

    FERNANDO HENRIQUE CARDOSO
    Pedro Malan
    Ramez Tebet

    Este texto não substitui o publicado no DOU de 20.9.2001

    *

    Região metropolitana da Grande Teresina. José de Freitas, faz parte dela.

  9. Silva Disse:

    Farley,

    Não sou Guarda Municipal nem policial. Apenas analiso os fatos. E a GM presta um bom serviço em nossa cidade.

    Constituição Federal,
    Na sua fala de 12/12/13, às 21h56:

    Apesar de autodenominar-se desta maneira, vc não entende nada de Dispositivo Constitucional. Vc induz o leitor ao erro quando cita o § 8º como se fizesse parte do Art.: 143 da Constituição. O § 8º é parte integrante do art. 144 que trata da Segurança Pública, logo a Guarda Municipal, citada no referido dispositivo, é sim um órgão de segurança pública prevista na CRFB, e como tal, deve proteger, também, o cidadão como maior patrimônio de uma cidade.

    Ainda para o Constituição Federal, na sua fala de 12/12/13, às 22h05,

    Vc demonstra ali, no seu comentário, um total desconhecimento da legislação ou do município de José de Freitas ou sobre a nossa capital Teresina.
    Como o Luís já mostrou (na sua fala acima), José de Freitas faz parte da Grande Teresina, ou seja, nossa cidade integra a região metropolitana de nossa capital e, assim, deve ser armada na forma da lei. Inclusive esse armamento já foi aprovado pela Câmara Municipal que, certamente, apurou a constitucionalidade de tal legislação.
    Portanto, meu caro, vá se informar primeiro antes de fazer um comentário sobre este assunto aqui.

    Tamyres,

    A Guarda Municipal sabe muito bem qual é o seu lugar: proteger o patrimônio do nosso município. E qual é o seu maior patrimônio? A sua gente; pessoas, e não prédio ou qualquer outra estrutura de concreto com ferro, madeira, etc.

Deixe seu comentário

José de Freitas Agora | Copyright © 2010-2012 | Todos os direitos reservados
  • Política de privacidade
  • Contato
  • by Paulo Kampus