Capitão Fábio Abreu admite a possibilidade de concorrer a uma vaga de deputado nas eleições

Fabrio abreuO capitão da Rondas Ostensivas de Naturezas Especiais  (Rone), Fábio Abreu, revelou que há possibilidade de concorrer   às eleições de 2014. Ele explicou que o momento é favorável para essa alternativa já que está estagnado em termos de promoção dentro da polícia.

Questionado qual seria o cargo mais provável, Abreu sinalizou compor numa chapa proporcional. “Realmente há a possibilidade que eu venha concorrer a algum cargo que pode ser o de deputado federal ou estadual. Estou estagnado em relação a promoções. Esse é um momento favorável para isso. Mas, eu teria que me afastar para me candidatar, acredito que até as convenções eu tenha alguma definição”, disse.

Ao ser indagado com que partido ele teria afinidade ideológica, o capitão falou que não tem opinião formada a respeito. “Sinceramente ainda não pensei nisso. Mas, se eu decidir me candidatar vou me informar sobre a questão. No momento exato acredito que terei uma decisão”, falou.

Fábio Abreu reclamou da falta de promoção dentro da polícia e para isso, elencou alguns motivos, dentre eles um que não soube explicar. “Eu ingressei um pouco tarde na polícia. Segundo, eu tive que esperar alguns anos para fazer cursos que me deixaram aptos a subir de patente, que adianto que todos foram feitos, mas ainda não fui promovido. Agora, o porquê eu ainda não recebi uma promoção, eu não saberia explicar. A única coisa que posso dizer é que preferia morrer a mudar meu posicionamento a respeito do que julgo correto”, destacou.

Comentar no Facebook

PUBLICIDADE

VIDEOS REPORTAGENS

CURTA NOSSA PÁGINA