Facec

Homem é assassinado com dois tiros na cabeça dentro da Igreja

Matéria publicada em: 10/11/2013 às 16:00

homem morto dentro de carroSentado dentro do pátio interno da Igreja do Promorar, na zona Sul de Teresina, acompanhado da mulher e de um filho de sete anos e e outro filho de 15 dias, Leandro Rodrigues da Silva, de 29 anos,que não tinha uma profissão definida, foi assassinado com dois tiros de pistola 380 na cabeça, no momento que que ia participar de região de preparação de batizado.

O delegado Robert Bezerra Lavor, da Delegacia de Homicídios do Piauí, afirmou que no momento em que dezenas de pessoas estavam dentro da igreja para reunião de preparação de batismo um jovem se aproximou e disparou três tiros contra Leandro Rodrigues da Silva, sendo que um dos tiros atingiu um rapaz que estava no encontro dentro da igreja e também reside no conjunto Promorar.

Robert Lavor afirmou que a Delegacia de Homicídios a possibilidade do assassinato estar relacionado conflitos entre gangues na disputa por espaços e pontos de venda de drogas.

“A mãe de Leandro Rodrigues me disse que ele sofreu atentado há um ano ficando ferindo, mas não me disse a causa dessa tentativa de homicídios”, afirmou Robert Bezerra Lavor.

Ele informou que o crime foi praticado por dois jovens, um entrou na Igreja do Promorar e disparou os tiros e outro ficou fora da igreja em uma motocicleta para permitir a fuga do assassino.

O presidente da Associação dos Moradores do Promorar e do Conselho Pastoral da Igreja do Promorar, Marcolino de Alencar Araújo, declarou que o assassinato ocorreu durante a reunião de pais e padrinhos.

“Leandro estava sentado com os filhos no momento da reunião de pais e padrinhos em que se fala de Jesus e da responsabilidade da sacramento do batismo. Vivemos na região um momento muito grave de violência, com muitas mortes por disputa entre gangues e tráfico e agora a igreja foi atingida. A violência chegou ao ponto da pessoa ser assassinada dentro da igreja quando estava se participando para uma reunião de pais e padrinhos como preparação par o batismo”, falou Marcolino de Alencar Araújo.

Os peritos do Instituto de Criminalística da Secretaria de Segurança Pública do Piauí fizeram coleta de material encontrado, entre eles dois telefones celulares, no automóvel Golf, de placa ODX-8370, que Leandro Rodrigues da Silva levou para a reunião na igreja católica.

Fonte: Portal Meio Norte





Comentar no Facebook

Deixe seu comentário

José de Freitas Agora | Copyright © 2010-2012 | Todos os direitos reservados
  • Política de privacidade
  • Contato
  • by Paulo Kampus