Silvio Mendes não ‘pressiona’ para ser cabeça de chapa

Matéria publicada em: 01/10/2013 às 17:26

candidarss-300x250eO ex-prefeito de Teresina Silvio Mendes (PSDB), que tem aparecido bastante ao lado do vice-governador Zé Filho (PMDB), pré-candidato a governador, voltou a admitir que não pressiona para ser candidato a governador em uma eventual chapa entre tucanos e peemedebistas. Sílvio participou na manhã desta terça-feira (01/10) do evento de filiação de Lázaro do Piauí ao PSDB.

Sílvio afirmou que em 2014 não há lugar para uma terceira candidatura ao governo do Piauí. Segundo ele, Zé Filho seria o candidato natural em uma eventual candidatura caso o governador Wilson Martins saia do governo em abril de 2014. “Não vou impor candidatura a ninguém. Não posso chegar ao Zé Filho e impor isso. Ele seria o candidato natural”, explicou.

Mas apesar da declaração de Sílvio, o presidente do partido, deputado Marden Meneses, afirma que o partido trabalha para que o ex-prefeito de Teresina seja o candidato. “Esse é o desejo do PSDB, que Sílvio Mendes seja o candidato ao Governo do Estado. Ele tem um grande nome e trabalhamos para isso”, comentou.

Sílvio Mendes voltou a afirmar que a campanha deve ser discutida apenas em 2014. “Isso prejudica o estado. Esse não é ano para discutir política. Não vamos adiantar os fatos. Estou tranquilo e as conversas existem entre o PMDB e o PSDB e são necessárias”, disse.

Comentar no Facebook

Deixe seu comentário

José de Freitas Agora | Copyright © 2010-2012 | Todos os direitos reservados
  • Política de privacidade
  • Contato
  • by Paulo Kampus