Rocha Construções
Matéria publicada em: 11/11/2013 às 21:37

TRE-PI julga improcedente AIJE e AIME e mantém três vereadores de JF nos cargos

vereadores-eleitos-1Aconteceu na manhã de hoje (11/11), no pleno do TER-PI, o julgamento das duas ações que pediam a anulação completa da chapa por supostas irregularidades em sua composição e a cassação dos mandatos dos três parlamentares.

Em votação unânime, o pleno do TRE julgou improcedentes as duas ações que pleiteavam a cassação dos diplomas dos vereadores Antônio da Costa Monteiro, José Luiz de Souza e Roberval Carvalho, todos do PSDC.

O relator do processo, Francisco Hélio Camelo, manteve a decisão do juiz da comarca de José de Freitas, Dr. Lirton Nogueira Santos, julgando extinta a ação promovida pelo ex-vereador Arnaldo Abreu e pela coligação “A vitória que o povo quer”.

Vereadores José Luiz, Monteiro e Roberval, absolvidos por unanimidade pelo TRE-PI

O vereador Antônio da Costa Monteiro, atual presidente da Câmara Municipal,  informou ao JFAgora, que ainda não havia se manifestado para a população a respeito do caso, porém é chegado a hora.

O vereador disse que se manifestará a respeito das ações e do resultado do julgamento que reconheceu a inocência dos vereadores e da coligação à qual foram eleitos. Monteiro assistiu ao julgamento onde acompanhou a sustentação oral do advogado Edivaldo Cunha que atuou na defesa dos três vereadores.

Advogado-Edivaldo-CunhaAdvogado Edivaldo da Silva Cunha que atuou no caso 

Comentar no Facebook

Deixe seu comentário

José de Freitas Agora | Copyright © 2010-2012 | Todos os direitos reservados
  • Política de privacidade
  • Contato
  • by Paulo Kampus