Tudo o que você precisa saber do teste antidoping de Guerrero

O atacante Paolo Guerrero está suspenso por 30 dias pela Comissão Disciplinar da Fifa. O centroavante teve um resultado analítico adverso no exame antidoping após a partida contra a Argentina, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, pelo uso de Benzoilecgonina, principal metabólito da cocaína. E agora? O que acontece com o jogador do Flamengo, que não pode disputar nenhuma partida oficial enquanto estiver punido? Cabe recurso?

Fernando Solera, presidente da Comissão de Controle de Doping da CBF, explicou ao GloboEsporte.com qual é o procedimento a partir do “resultado analítico adverso” e quais são as chances de Guerrero ser punido ou não, por exemplo.

Como é feito um exame antidoping?

Dois atletas de cada equipe de futebol são escolhidos em sorteio após a partida. Cada um deles urina em dois fracos, o A e o B.

O teste de Guerrero deu positivo?

Não. O exame feito após a partida contra a Argentina teve apenas um resultado analítico adverso, que é o primeiro indício de um resultado positivo. Agora, Guerrero terá de mostrar de onde veio a substância que não poderia estar em sua urina.

O que o centroavante consumiu para ter um resultado analítico adverso no teste?

Benzoilecgonina. A substância é o principal metabólito da cocaína.

Mas isso significa que Guerrero fez uso de cocaína?

Não! Isso significa apenas que Guerrero utilizou alguma substância que tem o mesmo metabólito da cocaína. Segundo especialistas, a substância aparece em exames antidoping não somente por utilização da droga, mas também por ingestão de alguns chás considerados medicinais. Muitos são utilizados em países como Peru e Bolívia, por causa da altitude.

Se o resultado ainda não foi positivo, por que Guerrero foi suspenso pela Fifa?

Porque a Fifa suspende provisoriamente jogadores que consumiram alguma substância “não especificada” da classe S6, como é a Benzoilecgonina – ou seja, substâncias mais “graves”. A suspensão de 30 dias ainda pode ser prorrogada por mais 20.

Comentar no Facebook

PUBLICIDADE

VIDEOS REPORTAGENS

CURTA NOSSA PÁGINA